Sua conscientização política

"Seria uma época de guerras cruéis em que novos césares surgiriam e em que uma elite de homens de aço, que não buscavam ganhos pessoais e felicidade, mas o cumprimento dos deveres para com a comunidade, tomaria o lugar dos democratas e dos humanitários" Hajo Holborn, explicando uma previsão de Oswald Spengler em A History of Modern Germany: 1840-1945; Princeton University Press, 1982. Página 658

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Os sete maiores doadores sionistas sórdidos da campanha de Hillay Clinton – 100% racistas judeus! – Por David Duke


David Duke
12/01/2016

            Advinha quem são os sete maiores indivíduos doadores que tem dado um milhão de dólares ou mais para a campanha de Hillary Clinton? Eles são todos racistas judeus! Então compreenda isto claramente. Os principais ricaços atrás da favorita para tornar-se o próximo Presidente dos Estados Unidos são todos judeus. E, eles não são apenas judeus, mas judeus muito ativos em organizações que desavergonhadamente lutam por interesses judeus. Judeu são somente 2 por cento da América, ainda eles dominam o controle do dinheiro para ambos democratas e republicanos. Esta é certamente a ilustração perfeita da palavra: Oligarquia.

            Todos eles têm sido ardentes apoiadores das organizações judaicas ativistas e do supremacista Estado de Israel assim como sendo apoiadores da “agenda judaica” nações de população europeia e através do mundo.

            Cada um destes sete sórdidos ardentemente apoiam a abertura das fronteiras para nossas nações as quais irão destruir nossa herança europeia, enquanto ao mesmo tempo são devotados para “um Estado judaico de Israel devotado para o domínio e preservação do povo judaico.” Aqui está a lista, cortesia do site insidegov.com, os quais são na maioria nomes conhecidos. Lembre que Sheldon Adelson é apenas um dos mais conhecidos dos judeus bilionários financiando os Republicanos. Lembrem, o que paga o flautista dá o tom, e o tom soa como a Hava Nagila {uma canção folclórica judaica cujo título significa Alegremo-nos}.

            Conforme o judaico New York Times, líder especialista, o judeu David Brooks orgulha-se de haver uma “tomada judaica” da América.

            Isto é bastante óbvio quando a maioria da mídia – celebrou que uma líder política na América é uma prostituta sionista que tem se vendido ela mesma para judeus racistas. Aqueles que ainda alimentam a ilusão que os republicanos são algo diferentes, devem também compreender que os republicanos prostituem-se eles mesmos ao poder judaico do mesmo jeito que Hillary, com a possível exceção de Donald Trump. Trump disse aos doadores judeus: “Vocês não irão me apoiar por causa que eu não irei pegar o dinheiro de vocês, vocês não podem me controlar com seu dinheiro e vocês não irão apoiar alguém que vocês não podem controlar.”


Os maiores sete contribuidores de Hillary Clinton – 100 por cento Kosher!

Prostituta política para os donos sionistas




Steven Spileberg
Contribuição: $1,000,000
Doação da PAC (political action committee)[1] para: Priorities USA Action[2]
Ocupação: Co-fundador  da Dreamworks Animation




Jeffrey Katzenberg
Contribuição: $1,000,000
Doação da PAC (political action committee) para: Priorities USA Action
Ocupação: CEO, Dreamworks Animation


Herbert M. Sandler: peça principal em fraude financeira de 2008

Herbert M. Sandler
Contribuição: $1,000,000
Doação da PAC (political action committee) para: Priorities USA Action
Ocupação: aposentado.


O magnata da mídia Haim Saban e Hillary Clinton:  "(...) sua grande preocupação é proteger Israel."
Haim Saban – Magnata da Mídia
Contribuição: $1,000,000
Doação da PAC (political action committee) para: Priorities USA Action
Ocupação: CEO, Saban Entertainment.



Cheryl Saban – Esposa de Haim Saban
Contribuição: $1,000,000
Doação da PAC (political action committee) para: Priorities USA Action
Ocupação: sem emprego.



Donald Sussman – Magnata da mídia e financeiro
Contribução: $1,000,000
Doação da PAC (political action committee) para: Priorities USA Action
Ocupação: Conselheiro de investimentos, Paloma Partners Management




7 ° Contribuidor máximo – George Soros
Doação da PAC (political action committee) para: American Bridge 21st Century, Priorities USA Action
Ocupação: CEO, Soros Fund Management



            Exceto Trump, os politicos republicanos também vendem-se eles próprios para os poderosos donos judeus! O contribuidor número um das campanhas republicanas d e qualquer das partes:

Sheldon Adelson

Sheldon Adelson está pronto para comprar a presidência!


            Este nojento racista judeu, cidadão israelense, chauvinista israelense, gangster de cassino – O maior contribuidor republicano:

            Não existe nenhum privilégio branco na América.

            Existe somente massivo privilégio judaico!

            A real elite da América não é mais branca.

            É judaica


            David Brooks e os judaico The New York Times até se gabam deste fato, enquanto eles e a mídia sionista constantemente mentem sobre “privilégio branco.”

            Se brancos são a elite e privilegiados por que iriam os europeus brancos que representam 70% dos mais ranqueados estudantes na América – ser agora somente 20% dos estudantes na Ivy League, a maior fonte da elite americana, enquanto os judeus que são apenas 2 por cento são mais que 25 por cento da Ivy League?

            Cerca de 70 por cento da população permitido ser somente 20 por cento das universidades líderes na América – não é verdadeira diversidade. Isso é nada menos que massiva discriminação racial contra o povo branco. (Fonte: Ron Unz, Myth of American Meritocracy – encontre mais referências em www.davidduke.com ).



            As pessoas brancas melhores qualificadas são massivamente discriminadas no governo, na educação e nos negócios.

            As pessoas brancas e os valores brancos são odiados, ridicularizados e ultrajados pela mídia dominada por judeus. Ela celebra mesmo a violência negra contra as pessoas brancas. Aqui está um filme dos irmãos Weinstein, filme o qual o heróis negro diz, “Mate pessoas brancas e receba por isso. Por que não gostar?

Uma especialidade dos irmãos judeus Weinstein é de temas sobre matança de brancos e arianos da estirpe germânica

            Pessoas brancas como um grupo, uma raça, são acusados de constantemente danificar e mesmo fisicamente atacar o povo negro. Mas, a verdade é que os brancos são as esmagadoras vítimas da violência inter-racial, não os perpetradores dela.


Somente nos últimos 10 anos: mínimo de 3,000,000 de vítimas brancas da violência negra

           A verdade é que os brancos não estão massivamente matando ou machucando os negros ou outras raças. A brutal violência dos negros contra os brancos são 27 vezes mais frequentes que a violência branca contra os negros. Nos últimos 10 anos tem havido um mínimo de TRÊS MILHÕES de vítimas brancas da violência negra. E a mídia judaica mentirosa odiosamente nos diz que os brancos estão atacando e matando os negros quando os brancos são a esmagadoramente as vítimas da brutalidade negra (fonte: Justice Dept. Nat. Crime Survey 2010). Isto enquanto a mídia dominada por judeus está embrulhada com histórias sem fim de alegadamente tiros da polícia indevidos em um pequeno número de violentos criminosos negros. Pelo qual as pessoas brancas são coletivamente indicadas como uma raça. Isto enquanto centenas de milhares de crianças, mulheres e homens brancos completamente inocentes são violentamente atacados, assassinados, ou estuprados a cada ano.


Em 2010 somente, 37,500 mulheres e garotas brancas foram estupradas ou atacadas sexualmente por homens negros.

Em 2010 37,500 crimes de estupros de negros sobre brancas e 0 crime de brancos sobre negras.

            De acordo para a pesquisa de crimes compilada pelo Departamento de Justiça, nos últimos 40 anos um mínimo de mais de um milhão de mulheres brancas têm sido estupradas ou sexualmente atacadas por homens negros! E a mídia faz um grande barulho sobre “segurança olhando nas compras quando é negro” ou negros sendo parados para controle rodoviário com frequência. Claro, como iríamos nós sermos tão racistas enquanto pensar nas garotas brancas sendo estupradas ou sexualmente atacadas é tão terrível como sobre negros sendo vigiados demais enquanto fazem compras.

            A mídia e política judaica está orquestrando o genocídio branco (a proposital destruição da uma vez população branca de 90% sendo reduzida a uma ultrajada e crescentemente violentamente roubada, atacada, estuprada e assassinada em breve a ser uma minoria indefesa.

            Alguns brancos dizem que a mídia americana e os estabelecimentos governamentais não são racistas!

            Na verdade, eles estão mortalmente errados.

            A mídia e estabelecimentos políticos é realmente racista.

            Ela é racista contra o povo branco.



            Enquanto as pessoas brancas são vítimas de ódio racial e profanadas pela mídia judaica, discriminação racial em trabalhos e promoções, bolsas de estudo e admissão em faculdades. Mas nós estamos acordando e...

            Nós não estamos indo receber isto mais!


(Toda pesquisa citada está documentada plena e academicamente pelo Dr. David Duke em DavidDuke.com e também é verificável no website do Departamento de Justiça: The National Crime survey. Similares estimativas estão disponíveis em outros anos que 2010).

Tradução por Tannhauser



Notas


[1] Nota do tradutor: Nos Estados Unidos uma  political action committee (PAC) é um tipo de organização que reúne contribuições de campanhas de membros e doadores.

[2] Nota do tradutor: A Priorities USA Action é uma PAC que apoia a eleição de candidatos democráticos. Fonte: http://prioritiesusaaction.org/about/ .





Sobre o autor: Dr. David Duke é graduado na Universidade Estadual de Louisiana com bacharelado em História. Ele concluiu seu doutorado na maior universidade da Ucrânia. Tem ministrado palestras em mais de 25 nações e em mais de 250 universidades ao redor do mundo. É um ativista político para a auto determinação dos americanos de etnia europeia (fundando uma reformulada Ku Klux Klan em 1974) e é assíduo opositor da supremacia judaica o que atraiu antipatia e adversidade da comunidade judaica internacional, resultando em duas tentativas de prisão quando foi convidado a ministrar palestras na República Tcheca e na Alemanha.

Foi eleito como membro da Câmara dos Representantes dos EUA (pelo Estado da Lousiana no mandato de 1989 – 1993), que é uma das duas câmaras do congresso dos EUA.   
_________________________________________________________________________________

Relacionado, leia também:



O Lobby judaico americano reafirma sua dual lealdade - por David Duke


Um proeminente jornalista americano rompe com a ordem: Admite que os meios de comunicação de massa dos EUA mentem para o público sobre Israel - Por David Duke








12 comentários:

  1. Mais do mesmo, caro Tannhauser. Tristemente!
    Duas coisas saltaram aos meus olhos: o fato de ainda haver brancos que afirmam que o governo não trabalha contra a raça branca e a foto reptiliana da desempregada Cheryl Saban (mas que conseguiu achar um milhãozinho de dólares do seu cofrinho de porquinho para a Hilária).

    Ambas me arrepiaram e engasturaram.
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá caro FAB!

      Também reparei que a Cheryl Saban tem um dinheirão disponível para doar, mesmo desempregada... deve ser que o cartão de crédito que o maridão Haim Saban disponibiliza para ela ir ao shopping tem muito crédito rsss.

      Repare que o semblante dela lembra o da Bárbara Spectre que anda a envenenar a Suécia!

      Abraço!

      Excluir
  2. Eu adorei o blog, vocês tem página no facebook para que eu possa seguir?

    ResponderExcluir
  3. Digno de nota: Cheryl Saban não é judia, mesmo que tenha se casado com Haim Saban

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na prática é:

      “(..)‘Think of me as a Christian who believes in Judaism.’”
      Pense de mim como uma cristã que acredita no judaísmo!

      E ela aceitou a condição do Saban de que o filho deles fosse criado no judaísmo!

      Talvez não preencha plenamente a condição máxima de ascendência judaica, mas ajuda o sionista Saban, e deu a ele um filho para ser educado como judeu, numa família sionista. Em termos de tribalismo, preenche completamente pois ela apoia a causa sionista. Ao fim de tudo, tem-se no tribalismo, os judeus que preenchem completamente as requisições, enquanto outros preenchem parcialmente, mas ainda assim estes últimos podem ser considerados parcialmente judeus, e isso, soma no computo final de esforços pró tribalismo.

      http://www.tabletmag.com/jewish-news-and-politics/6457/morphed

      Detalhes ortodoxos pouca diferença faz no tribalismo, que é a cúspide do judaísmo, pelo menos há muito tempo. A ortodoxia serve ao tribalismo, conforme discutido no link abaixo:

      http://nazismo-verdades-e-mentiras.blogspot.com.br/2014/03/judeus-uma-comunidade-religiosa-um-povo.html

      O que eu concluo é que na avaliação crítica do tribalismo as réplicas não se elevam mais do que a detalhes, e, mesmo assim, como nesse caso, ainda não exime completamente nem mesmo a exceção em que te agarrastes como acima foi exposto, colaborando com a política sionista e com a geração de prole sionista.

      Nessa família tribal há espaço para os que preenchem completamente e os que preenchem parcialmente as requisições de ascendência judaica!

      Gostaria que em mostrasse algum repreendimento ortodoxo contra o casamento ou contra a ação da Cheryl Saban como sionista!

      Excluir
  4. "Gostaria que em mostrasse algum repreendimento ortodoxo contra o casamento ou contra a ação da Cheryl Saban como sionista!"

    Contra este casamento específico não possuo nenhuma informação de repreendimento, mas com certeza ortodoxos são contra qualquer tipo de assimilação, principalmente ela ainda se considerando cristã e não ter passado por uma conversão formal, isso não é apenas um detalhe técnico mas é a Halacha, código de lei judaico e com certeza um casamento como este seria negado pelo Rabinato em Israel.
    Quanto às suas reinvindicações de que todos esses milionários notoriamente judeus trabalham para uma agenda do sionismo mundial pode ser contraditório. George Soros tem financiado movimentos sociais como dos Etíopes em Israel causando cismas na sociedade israelense e é dito que estaria por trás de outras pressões sociais para desintegrar a sociedade israelense, não acho que ele seja um sionista. Além do mais, judeus democratas, de Esquerda, apoiam a solução de dois Estados no conflito israelo-árabe, o que põe, em cheque, muitos dos argumentos aqui utilizados e que se negam a estudar a história do sionismo e suas vertentes que entram em choque muitas vezes. Não há uma homogeneidade de pensamento entre os sionistas. Voltando ao assunto de contra casamentos mistos, uma organização em Israel chamada Lehava luta contra isso, organização ortodoxa mas não Haredi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse é o problema: "Contra este casamento específico não possuo nenhuma informação de repreendimento, (...)".

      Mas relacionamentos e/ou casamentos insossos politicamente soa bem uma advertência ortodoxa, como no caso do Di Cárprio e da Bar Rafele. Agora o de uma ativista sionista, Cheryl Saban não há repreensão rabínica ortodoxa nem mobilização para retaliação utilizando banimento e punições políticas?

      É só fachada essa alegada diferença na política! Pode haver diferença ENTRE OS JUDEUS EM SEUS ASSUNTOS INTERNOS, mas mais uma vez a alegada neutralidade política ortodoxa se omitiu em punir o Saban! Se omitiu em mobilizar suas forças para pressionar midiaticamente o Saban!

      George Soros favoreceu a abertura de fronteiras na Europa, e enfraquecimento da Europa diretamente fortalece a diáspora judaica (postos avançados do Sionismo, haja visto os EUA, compo exemplo gritante, e na Europa a França, Suécia e Alemanha), mesmo se a ralé judaica sofra com perseguições, a elite é favorecida mobilizando favores internacionais conforme a conveniência para assumir o controle da situação em cada lugar onde opera o caos dissolvente da civilização.

      Primeiro Ministro Húngaro menciona o financista especulador judeu George Soros como exemplo de pessoas não eleitas na União Européia que empurram a imigração para Europa.

      "Quem na Europa votou para permitir pessoas chegarem ilegalmente aos milhões e então serem distribuídas?"

      "O que está acontecendo não tem nenhuma base democrática"

      http://www.dailymail.co.uk/news/article-3297431/Hungarian-Prime-Minister-accuses-billionaire-investor-George-Soros-trying-undermine-Europe-supporting-refugees-travelling-Middle-East.html#ixzz3qYAC3lmO

      E as afirmações de Orban procedem, afinal, George Soros disponibiliza seus recursos para os que estão envolvidos no processo pró-imigração para a Europa:

      https://www.opensocietyfoundations.org/explainers/understanding-migration-and-asylum-european-union

      Eis a posição de Soros em relação a Orban:

      “His plan treats the protection of national borders as the objective and the refugees as an obstacle,” he said in the statement. “Our plan treats the protection of refugees as the objective and national borders as the obstacle.”

      "Seus planos tratam a proteção das fronteiras nacionais como o objetivo e os refugiados como um obstáculo ele disse em suas afirmação. "Nosso plano trata a proteção dos refugiados como objetivo e as fronteiras nacionais como o obstáculo"

      http://www.bloomberg.com/news/articles/2015-10-30/orban-accuses-soros-of-stoking-refugee-wave-to-weaken-europe

      Me passe link de notícias do Soros financiando os Etíopes para Israel!

      No aguardo!

      E quanto as represálias ortodoxas ao caso Saban aguardo é de FONTES OFICIAS ORTODOXAS!!!!

      Excluir
    2. http://www.truetorahjews.org/ultra-orthodox-will-never-surrender-zionist-idea

      Excluir
    3. Aqui trouxe algo bem interessante!

      Agora é ver com atenção as reprovações ortodoxas contra esses figurões da atual eleição. Já que tens energia para postar aqui, poderia facilitar a exposição destes ortodoxos trazendo uma seleção bem relevante ao que trata esse tópico daqui. Mãos ao trabalho, aguardo com interesse!!

      Excluir
  5. Bairros de periferia, em sua maioria com população negra, ninguem fala da nescessidade de diversificação.
    bairros de classe media, com miscigenados ninguem fala da nescessidade de diversificação.

    Bairros com brancos, em sua maioria de classe alta que possuem pessoas com conhecimento, ESSES SIM PRECISAM URGENTEMENTE DE DIVERSIFICAÇÃO, ENVIEM NEGROS, MULATOS, E PRINCIPALMENTE MUÇULMANOS, VIVA A DESORDEM, A BAGUNÇA, O CAOS, a africa não precisa de brancos por la, pois somente o branco é racista, nimguem fala que o proprio negro se faz de escravo a anos, que ele proprio vendia seus irmãos para os portugueses para servirem de escravos, o proprio zumbi dos palmares, grande afrodescendente valorizado na historia brasileira tinha escravos, e detalhe, ele era negro, isso ninguem conta

    ResponderExcluir
  6. Magnata do jogo, do vício é financiador pesado ao mesmo tempo de Netanyahu e de Trump.
    http://www.haaretz.com/israel-news/1.751683

    ResponderExcluir

ATENÇÃO QUANTO AO CRITÉRIO DE PUBLICAÇÃO DAS POSTAGENS:

POSTAGENS FORA DO TEMA DO RESPECTIVO ARTIGO NÃO SÃO PUBLICADAS.

POSTAGENS COM INSULTOS POSSIVELMENTE NÃO SERÃO PUBLICADAS.

Deve-se procurar dar seguimento e aprofundamento ao assunto, portanto, postagens cuja argumentação já foi colocada não serão publicadas.